Últimas
quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Itajaí registra 125 focos do mosquito da dengue em menos de 10 meses

Em menos de um ano, Itajaí registrou 125 focos do mosquito da dengue. Os dados foram atualizados na manhã desta segunda-feira (1) pela Secretaria de Saúde. Segundo a pasta, são 10 focos do mosquito Aedes aegypti a mais que os contabilizados no dia 25 de agosto. Todos foram encontrados durante a semana no bairro São Vicente.
O primeiro caso de dengue contraído dentro da cidade foi registrado no mês de julho deste ano. Até então, desde a criação do departamento de Vigilância Sanitária, nenhum caso como esse tinha acontecido em Itajaí. No ano passado, apenas três focos do mosquito foram encontrados no município.
A preocupação agora é que com o aumento das temperaturas e acúmulo de chuvas a proliferação das larvas do mosquito aumente. Para se preparar, dois agentes de Endemias da Secretaria de Saúde participam de um treinamento para utilização do equipamento bomba motorizada na quarta-feira (3), em Florianópolis.  “Este equipamento já foi adquirido pelo município e o treinamento tem como finalidade o bloqueio rápido em casos confirmados de dengue na cidade. Esperamos não usar tal medida, mas estamos nos preparando para futuras ações que se fizerem necessárias”, ressalta o coordenador do Programa de Controle da Dengue, Lúcio Vieira.
A maioria dos focos foram localizados no bairro Cordeiros. Segundo Lúcio, os ovos do mosquito foram trazidos em carcaças de carros, que vieram de São Paulo para um ferro velho do bairro. “Essas sucatas foram guardadas em um depósito sem cobertura, por isso quando choveu, os ovos eclodiram e se transformaram em larvas e em mosquitos que se espalharam rapidamente pelo bairro e estão avançando para o bairro São Vicente”, revela.
 O programa evidencia a importância de orientar as pessoas sobre o perigo de deixar água parada em seus imóveis. Com a quantidade de focos encontrados, a fiscalização aumentou pela cidade.

Confira algumas dicas de como evitar os focos da doença:

A população é a principal aliada para que o mosquito não se prolifere.
- Vistorie seu quintal uma vez por semana, eliminando todo material que acumule água parada. É importante lembrar que o mosquito coloca seus ovos em água limpa parada e na sombra;
- Os locais preferidos dos mosquitos são os vasos de flores, caixas d’água e materiais reciclados como latas e garrafas, etc;
- Baldes com água que serão reutilizadas devem ser tampados;
- Receba os agentes de endemias: eles estão identificados e são amigos da comunidade, sua função principal é orientar os moradores e firmar uma parceira vitoriosa para não deixar que esta doença se instale em Itajaí.

  • Comentar com o Google +
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação. Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.
Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

Item Reviewed: Itajaí registra 125 focos do mosquito da dengue em menos de 10 meses Rating: 5 Reviewed By: Sistema F5 Ceará de Comunicação