Últimas
segunda-feira, 13 de outubro de 2014

PSC adere à candidatura de Camilo Santana

Em coletiva realizada na manhã desta segunda-feira (13) , no Comitê Central da coligação "Para o Ceará seguir mudando", o presidente regional do Partido Social Cristão (PSC), Wellington Saboya, anunciou adesão à candidatura de Camilo Santana ao governo do Estado. Ao lado do vereador e presidente da Executiva Municipal, Benigno Júnior, do deputado estadual eleito Bruno Pedrosa e grande parte dos dirigentes do partido, Saboya decretou a mudança. Também presentes os deputados Wanderlei Pedrosa (PTB), Osmar Baquit (PSD) e Zezinho Albuquerque (PROS).

Wellington Saboya afirmou que a relevância do apoio se baseia na atração de votos na capital. “Nós não temos como trazer o tempo, televisão. Mas nós temos como trazer algo muito importante, que são os votos. O PSC vem contribuir aqui com o Camilo. O PSC tem uma força muito grande na Capital, visto que foi o partido mais votado nas eleições municipais”, destacou.

O presidente do PSC comentou que sua intenção de apoio ao Camilo vem desde o primeiro turno. “Nós tínhamos uma decisão da Executiva Nacional, onde deveríamos apoiar o senador Eunício Oliveira. Por uma questão de fidelidade, respeito e hierarquia ao nosso presidente, Pastor Everaldo, nós votamos e pedimos voto para o outro candidato. Mas, a partir do segundo turno, o Pastor Everaldo nos ligou, dando o livre arbítrio para decidirmos de que lado queríamos ficar no segundo turno. O meu coração pedia uma coisa (Camilo), mas a razão mandava outra (Eunício). Então agora, já que a razão me permite, eu vou seguir meu coração”, defendeu Saboya. E completou: “O Camilo vai ter, no PSC, um grande aliado para o segundo turno”.

Camilo ainda expôs sua visão sobre a adesão do PSC. “Para nós, a vinda do PSC é fundamental, que vem agregar, pela qualidade do seu quadro, da sua bancada. Portanto, vem somar para esse segundo turno para que, se Deus quiser e o povo do Ceará nos der essa oportunidade, a gente possa garantir a vitória e para que não haja descontinuidade, retrocesso e riscos para a população do Ceará. O PSC será importante não só nesse momento, mas na ajuda da construção do governo”, afirmou Camilo.

O candidato reafirmou, ainda, que a sua principal tarefa no segundo turno é unir as famílias e garantir que o projeto que está em curso e vem mudando o Ceará tenha continuidade. ”Volto a repetir o que disse no meu discurso no final do primeiro turno, que a minha tarefa é garantir a continuidade do projeto que vem mudando a vida de muitos cearenses; que bateu recorde de empregos; que trouxe a construção da Siderúrgica, que vai proporcionar emprego e mudar o perfil econômico do Estado; que nunca investiu tanto na área da Educação", arrematou.

* Com informações da coligação "Para o Ceará Seguir Mudando"
  • Comentar com o Google +
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação. Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.
Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

Item Reviewed: PSC adere à candidatura de Camilo Santana Rating: 5 Reviewed By: Sistema F5 Ceará de Comunicação