Últimas
sexta-feira, 24 de outubro de 2014

TSE nega pedido de Dilma sobre reportagem da revista Veja

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou hoje (24) pedido de retirada da reportagem publicada ontem (23) na página do Facebook da revista Veja, segundo a qual a presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva são citados em um suposto depoimento do doleiro Alberto Youssef. O pedido foi feito pela coligação Com a Força do Povo, que apoia a candidatura de Dilma à reeleição.

A matéria foi publicada com o título "Tudo o que você queria saber sobre o escândalo da Petrobras: Dilma e Lula sabiam”. Segundo a reportagem, Youssef disse que Dilma e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sabiam do esquema de corrupção na Petrobras.

Na representação, a coligação de Dilma acusa Veja de ter antecipado a edição para sexta-feira para "tentar afetar a lisura do pleito eleitoral". A representação diz ainda: "a matéria absurda de capa [...] imputa crime de responsabilidade à candidata Representante (...) e a mensagem ofensiva da capa da revista tem por objetivo bem delineado: agredir a imagem da candidata Representante" .

Para negar o pedido, o ministro Admar Gonzaga alegou que o artigo da lei eleitoral citado na representação (Artigo 57-D, Parágrafo 3º, da Lei das Eleições) para pedir a retirada do ar não está em vigor nas eleições deste ano. Com isso, a representação foi arquivada, sem julgamento sobre o conteúdo.

REPERCUSSÃO NA INTERNET
A irreverência é uma das principais características do brasileiro e nas eleições não foi diferente. O último exemplo desta marca foi a reação dos apoiadores da reeleição de Dilma, que foi alvo de uma reportagem especial na edição da revista Veja desta semana. Com muito bom humor, eleitores satirizaram a capa da publicação com matérias fictícias, em que a presidente e o ex-presidente Lula são citados por envolvimento nos mais inusitados casos da cultura popular, que vão desde novelas e filmes a desenhos animados,jogos e fatos do cotidiano.

As publicações viralizaram nas redes sociais e ocuparam o topo o ranking dos assuntos mais discutidos no Twitter nesta sexta-feira (24).
  • Comentar com o Google +
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação. Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.
Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

Item Reviewed: TSE nega pedido de Dilma sobre reportagem da revista Veja Rating: 5 Reviewed By: Sistema F5 Ceará de Comunicação