Últimas
quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Caucaia: Gois retira apoio e Lia Gomes desiste de pré candidatura

O prefeito de Caucaia, Washington Gois, jogou a toalha e desistiu de apoiar a pré-candidatura da médica Lia Gomes à sua sucessão em 2016. Gois justificou que a decisão era tomada diante de pressões políticas. Com desgaste político e administrativo, Gois anunciou, ao prestar contas de sua gestão, na manhã desta terça-feira (13/10), na tribuna da Câmara Municipal, a desistência de apoio a irmã de Ciro Gomes, que, há poucos dias, definiu o quadro político de Caucaia como degradado.
Após a retirada do apoio de Gois , Lia Gomes  anunciou em sua página do facebook a retirada de sua pré-candidatura ao cargo de prefeita.
O discurso de Washington Gois surpreendeu vereadores de oposição e aliados da administração municipal. O discurso, com quatro páginas em letras garrafais, foi lido e, antes de começar a falar, o prefeito disse que não iria responder a nenhum questionamento. O gesto do prefeito foi intempestivo e retrata o momento de dificuldades por ele enfrentado na relação com os aliados políticos.
Gois tentou, nos últimos oito meses, viabilizar a pré-candidatura da médica Lia Gomes, a quem vinha tratando em reuniões com lideranças comunitárias como uma amiga e uma pessoa que estava trabalhando por Caucaia. O Jornal Grande Porto, com circulação às quintas-feiras, vinha registrando em suas edições o esforço de Gois para viabilizar a candidatura da médica Lia Gomes e, ao mesmo tempo, as dificuldades para alavancar a opção para as eleições de 2016.
As dificuldades políticas para fortalecer o nome de Lia Gomes surgiam dentro da base do próprio prefeito na Câmara Municipal. Há uma semana, os vereadores rejeitaram três mensagens do Executivo, o líder do prefeito, Kiko do Cazuza, renunciou e o presidente do Legislativo, Sílvio Nascimento, anunciou a independência do Poder em relação a Prefeitura.
Dentro do grupo político de Washington Gois, surgiram, nos últimos três anos, as pré-candidaturas do vice-prefeito Paulo Guerra e do então aliado deputado federal Danilo Forte. Danilo foi excluído do grupo por fazer oposição aos Governos Cid Gomes e, atualmente, ao Governo de Camilo Santana. Com Danilo fora das opções como pré-candidato a prefeito, Gois não se entusiasmou com o nome do vice Paulo Guerra e estimulado pela assessoria política apostou na médica Lia Gomes.
Decidido a fazer Lia candidata, Gois a levou a eventos administrativos e políticos, recebeu críticas, foi alertado sobre ações do Ministério Público Eleitoral e, agora, comunicou oficialmente que não terá candidato à Prefeitura em 2016. Antes da decisão, Gois foi surpreendido por uma declaração do ex-governador Ciro Gomes que classificou a política de Caucaia como degradada. A declaração, como estampou o Jornal Grande Porto, em sua última edição de setembro, sepultaria a pré-candidatura de Lia Gomes.
Texto publicado em sua página no facebook
Hoje estou me sentido uma pessoa mais leve e feliz. A atitude do Dr. Washington, hoje na Câmara, me mostrou o quanto eu estava certa em trabalhar como militante em sua reeleição.
A política que eu vivencio desde criança e aprendi em casa é como este gesto dele. Desprendido e pensando, exclusivamente, no bem das pessoas. Foi para isso que milhares de caucaienses confiaram a ele o voto e administração do município.
Ao retirar o apoio à minha pré-candidatura e fechando a porta para apoiar qualquer outro candidato, até o fim de seu mandato, preocupado em proteger a população dos pedidos descabidos, das exigências pouco honestas e até da falta de decoro de certos políticos, mostra que ele pratica a política no mais alto nível.
Eu escolhi Caucaia para viver e fixar minha residência. Conheci esta cidade andando pelos bairros mais necessitados e conversando as pessoas que mais precisam de politicas públicas voltadas para seu bem estar. Trabalhei e vou continuar trabalhando por estas pessoas independente de candidatura. A política está no meu sangue, política de alto nível como a do Dr. Washington. Não a política suja que alguns tentam praticar.
As pessoas confiam que os políticos irão trabalhar para o bem comum, mas infelizmente, não é assim que muitos agem. A politica é, e deve ser, um meio de transformar a vida das pessoas para melhor. Quando isso não acontece algo está errado e é hora de pensar. Concordo que, neste momento, minha pré-candidatura deve ser retirada. Me afasto da candidatura, mas não dos problemas de Caucaia, não das pessoas que confiaram e confiam em mim. Não da cidade que escolhi para viver e que tão carinhosamente me acolheu. Aqui é onde me sinto em casa. Continuarei lutando, buscando recursos e ajuda para quem precisa. Deixo aqui o meu muito obrigada aos amigos Ester Julia Gois e Washington.
  • Comentar com o Google +
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação. Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.
Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

Item Reviewed: Caucaia: Gois retira apoio e Lia Gomes desiste de pré candidatura Rating: 5 Reviewed By: Sistema F5 Ceará de Comunicação