Últimas
segunda-feira, 18 de abril de 2016

Líder do PT reconhece "derrota momentânea" e fala em "guerra prolongada"

O líder do governo na Câmara, deputado José Guimarães (PT-CE), concedeu entrevista coletiva há pouco em que reconheceu a “derrota momentânea” do governo na votação da admissibilidade do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara. “Perdemos porque os golpistas foram mais fortes, comandados por Cunha”, em referência ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), responsável por aceitar o pedido em dezembro passado. “A luta está apenas começando. A derrota é momentânea, as ruas estão conosco e temos condições de virar o jogo no Senado. Essa é uma agressão à legalidade democrática”, disse Guimarães.
Ainda segundo o líder, nesta segunda-feira, 18, começará uma “guerra prolongada”. Segundo ele, os deputados de oposição não têm “autoridade moral” para falar em ética e corrupção. “O governo reconhece essa derrota provisória porque a guerra não terminou. Os golpistas venceram na Câmara mas a luta continua nas ruas e no Senado”, disse, não descartando ainda recorrer à Justiça.
O deputado petista descartou durante a entrevista que o governo vá adotar a tese de convocar eleições gerais. “Não tem nada de eleição geral. A luta é nas ruas e no Senado”, afirmou.
Terminada a entrevista, que aconteceu no Salão Verde da Câmara, o deputado foi ao Palácio do Planalto para, segundo ele, dar um abraço na presidente Dilma.
  • Comentar com o Google +
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação. Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.
Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

Item Reviewed: Líder do PT reconhece "derrota momentânea" e fala em "guerra prolongada" Rating: 5 Reviewed By: Sistema F5 Ceará de Comunicação