Últimas
sexta-feira, 22 de julho de 2016

Governo propõe a contratação temporária de 1.000 agentes penitenciários

O governador Camilo Santana anunciou a proposta de contratação – por tempo determinado e temporário – de até 1.000 agentes penitenciários para atuarem no sistema prisional do Estado.
A contratação é permitida pelo artigo 154 da Constituição Estadual, que autoriza admissão por tempo determinado de servidores no caso excepcional de interesse público. A proposta foi entregue para a análise da Procuradoria Geral da União (PGE) e, em seguida, seguirá para a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (ALCE), onde será apresentada para aprovação.
O projeto de lei visa a auxiliar no combate às fugas e entrada de ilícitos nas unidades enquanto se restabelece a ordem dentro das penitenciárias, que vêm exigindo intervenção redobrada do contingente atual de agentes penitenciários. Consta na proposta que a contratação será realizada por um período máximo de 12 meses.
  • Comentar com o Google +
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação. Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.
Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

Item Reviewed: Governo propõe a contratação temporária de 1.000 agentes penitenciários Rating: 5 Reviewed By: Sistema F5 Ceará de Comunicação